Primeiros Passos #016 Denis Russo Burgierman

De quase diplomata, Denis Russo Burgierman se tornou jornalista na redação da Revista Superinteressante nos anos 1990 e alimenta uma certa nostalgia dos tempos pré-internet, quando a informação era mais difícil de encontrar.

“Eu lia de 10 a 15 livros para fazer uma reportagem. Buscava os maiores especialistas do mundo, ligava para as universidades para pedir uma entrevista”.

Na Superinteressante, foi diretor de redação, assim como da revista Vida Simples. Hoje, é colunista do Nexo e jornalista freelance. Mais recentemente, foi roteirista da primeira temporada do programa Greg News, do HBO.

Ele escreveu livros como “O Fim da Guerra”, sobre políticas de drogas inovadoras, e “Piratas no Fim do Mundo”, o diário de uma expedição à Antártida para combater baleeiros. Foi um dos 20 jornalistas escolhidos em 2007 para receber uma John S. Knight Fellowship, que lhe abriu as portas da Universidade Stanford.

No BRIO, a mentoria dele foca em áreas como ciência, escrita criativa e de não-ficcção, jornalismo literário, jornalismo de ideias, livro jornalístico, edição de revistas, jornalismo digital e publishing.

Denis acredita que o momento atual da profissão requer coragem para enfrentar o processo de desenvolvimento de novos formatos e modelos que garantam a sustentabilidade econômica do jornalismo.

“Criar coisas novas é dolorido. Significa tentar, arriscar e errar. Precisamos de jornalistas mais corajosos”.

Assine (de graça) no seu aplicativo de podcast preferido:

AnchorApple PodcastsCastBoxDeezer iHeartRadioOvercastPlayerFMPodTailRadioPublicRSSSoundCloudStitcherTuneIn

É movido pela curiosidade e virou jornalista só para saber das coisas antes dos outros. Adora contar e ouvir histórias e é um entusiasta de podcasts. Trabalhou 12 anos na CBN, onde fez de tudo (mesmo) e foi de estagiário a gerente de jornalismo. É mentor do BRIO, dá aula na PUC e está estudando chinês: já sabe falar 我不会说中文. Mora no Rio e não vê alternativa fora do jornalismo. Fale com ele.